Mockup Campanha de Inverno Casas André Luiz 2018

O objetivo foi a arrecadação de verba para suprir o aumento do consumo de medicamentos, oxigênio para inalação e agasalhos, itens fundamentais no combate às doenças da estação. Confira as peças da campanha de inverno.

As doações mantém o bem-estar, a dignidade e o atendimento especializado gratuito para as 2 mil pessoas com deficiências atendidas pelas Casas André Luiz.

Tema da Campanha de Inverno:

Sua solidariedade protege do frio o coração dos nossos pacientes.

Dados divulgados para demonstrar o trabalho da Instituição:

  • 5 milhões de atendimentos anuais de Enfermagem
  • 38 mil atendimentos anuais de Fisioterapia
  • 8 mil atendimentos anuais de Odontologia

Aos exemplos acima, somam o total de 200 mil atendimentos médicos e terapêuticos a cada ano em:

  • Atividades Interdisciplinares;
  • Educação Física;
  • Enfermagem;
  • Farmácia;
  • Fonoaudiologia;
  • Psicologia;
  • Terapia Ocupacional;
  • Dentre outras.

Imagem da campanha dentro dos Boletos:

Cartaz A3 – Campanha de Inverno 2018:

Cartaz A3 Campanha de Inverno 2018 - Casas André Luiz - Portfólio Designer Gráfico e Web Designer

Página de Doações no site das Casas André Luiz:

Assistente de produção, Amanda Viana

Página de Doações - Site - Casas André Luiz - Portfólio Designer Gráfico e Web Designer

Pop ups para Doações no site da Instituição:

E-mail Marketing da Campanha de Inverno 2018:

E-mail Marketing - Casas André Luiz - Portfólio Designer Gráfico e Web Designer

Posts para Redes Sociais:

Assistente de produção, Amanda Viana

Capa do Facebook:

Assistente de produção, Amanda Viana


Por que escolhi trabalhar como publicitário, em Guarulhos? E qual a relevância da publicidade para o terceiro setor, ou ONGs, em Guarulhos?

É prática fundamental destacar o Terceiro Setor, pois é mobilizador de um grande volume de recursos humanos e materiais para impulsionar iniciativas voltadas para o desenvolvimento social, setor no qual se inserem as sociedades civis sem fins lucrativos, as associações civis e as fundações de direito privado, todas entidades de interesse social.

A profissionalização do Terceiro Setor com um todo, inclusive a área de comunicação social, promove o e geração de empregos, renda e mão de obra qualificada, além de auxiliar a estabilização e crescimento da economia do país. É preciso criar e implantar ferramentas, como os canais digitais, por exemplo, para que o Setor cresça de forma compartilhada, colaborativa e horizontal.